22 de junho de 2010

Por que Chanel é ícone?

A estilista nascida em 19 de Agosto de 1883 fez e faz história, representando um grande ícone na moda. Vários adjetivos podem ser atribuídos à ela, como ousada, talentosa, solitária, e até uma pitadinha de loucura.
A leonina sempre teve medo de ficar sozinha, talvez pela sua falta de amigos. A maior contradição que cerca a vida de Coco é o fato de ter sido totalmente perfeccionista em suas criações, mas aceitar uma certa desordem na sua casa, visto que prezava por móveis e objetos de decoração de todos os tipos, lugares e culturas. Isso também revela sua ânsia por sabedoria, por cultura.
_________________________________________________________________________________

Vida pessoal
Gabrielle Chanel era irmã de mais quatro irmãos e levou uma vida difícil na sua infância. Foi abandonada num colégio interno durante anos pelo pai; aos 18 começou a trabalhar como costureira numa loja de enxovais, quando descobriu seu amor por moda. Depois disso, ainda tentou carreira como dançarina e atriz.
O primeiro de vários amores foi Arthur Boyle, que ajudou Coco a abrir sua primeira loja de chapéus. Anos mais tarde, Chanel começou a fazer carreira com sua casa de costura. O lançamento do seu perfume Chanel n° 5 implicou na sua fama, mas a real eternização da sua maison aconteceu após a morte do presidente John Kennedy quando, devido à amizade com Jackie FK., seus tailleurs tomaram as revistas de moda.

Profissional
Chanel foi revolucionária para sua época. As roupas mais justas, acinturadas e elegantes diferiam das peças comportadas demais usadas na época. As pérolas, bolsas e chapéus passaram a completar a nova mulher criada por Chanel, forte e ousada.
No início foi difícil conseguir clientes. Mas ao longo dos anos a estilista foi ganhando seus fiéis compradores e essa confiança permitiu a aventura de Chanel pela área da costura. E ela fez história principalmente com seus tailleurs e criou itens clássicos e eternos da moda.
Hoje quem está à frente da maison chanel é Karl Lagerfeld e a venda das suas bolsas clássicas é a maior fonte de renda da marca. O fato mais curioso é que o costume de se usar Chanel passa de como uma característica hereditária: ontem as mães de hoje usavam Chanel, e hoje suas filhas é que usam. Isso prova que a marca vem sofrendo mudanças e lida com os desafios da evolução rápida da moda para se manter ativa no mercado; e a Chanel se mantém viva por anos.
_________________________________________________________________________________

A Chanel de Karl
Fashion show Fall/Winter 2010/11.

4 comentários:

  1. adorei o post, simples e completo !
    Chanel concerteza fez a vida das mulheres mais feliz.
    O filme da vida dela é mt bom,recomendo demais

    beijos

    ResponderExcluir
  2. AIII ATORON O ESTILO COCÔ CHANNEL !

    ResponderExcluir
  3. Gabrielle Bonheur Chanel , fundadora maravilhosa , até hoje o maior ícone da moda junto com oscar de la renta , rs .

    ResponderExcluir
  4. Glauco Bekedorff2 de julho de 2010 18:37

    CHANNEL, eu nunca saio de casa sem o meu. ;@ HAHA.

    ResponderExcluir